Carpe

A natureza bela do ser humano fantástico

A natureza bela do ser humano fantástico

A natureza bela do ser humano fantástico Por CARPE Certa vez, após uma estadia de quatro noites no balneário Uruguaio de Cabo Polônio, uma tradicional vila de pescadores situada no atlântico sul, tive uma ideia sobre a natureza e o ser humano que integra essa natureza. Estava hospedado em uma casinha branca logo no início de uma praia extensa e inóspita, cercada pelas rochas do cabo por um lado e pelo outro pela imensidão das dunas. O mar, que perto das rochas é calmo, fica Continue lendo

Ruralizando o urbano

Ruralizando o urbano

Ruralizando o urbano Por Conrado Chermut Stroligo (Carpe) Tetos verdes e paredes cultivadas, hortas verticais, jardins suspensos… Apesar de atual, o tema da agricultura urbana é mais antigo do que parece ser. Nos jardins de diversas civilizações antepassadas como a grega, as residências possuíam jardins com características próximas das “naturais” do lugar, e onde eram cultivadas plantas úteis a seus moradores, como maçãs, pêras, figos, romãs, azeitonas, uvas e até mesmo hortaliças. Os babilônios por exemplo, tinham o costume de cultivar nos jardins próximos aos templos, Continue lendo

Simples sem ser Simplório

Simples sem ser Simplório

Simples sem ser Simplório Por Tomás Deleuse (CARPE) Vamos começar por uma gota d’água. Apenas uma gota. Um é um número singular, o primeiro e por isso, talvez, um número menos complexo. Na biologia os organismos unicelulares também são considerados em si organismos mais simples e menos estruturados. Mas o quão simples essa gota parece ser? Em si é apenas uma única gota, que em um oceano aparentemente  não representa nada. Mas uma única gota d’água é capaz de fazer um copo cheio transbordar. Não Continue lendo

O que você sustenta?

O que você sustenta?

Olá! Hoje inauguramos mais uma coluna com um dos nossos novos colunistas. No caso, a Carpe possui 5 integrantes que estarão se revezando para escrever aqui no site. Hoje a coluna foi escrita pelo Yuri Diniz, um Carpeano, como ele mesmo se descreve que tem muita coisa boa para falar e para fazer a gente refletir sobre Sustentabilidade. Afinal, esse tema já é bem abordado por aí, mas tenho certeza que essa reflexão que ele nos trás vai muito mais profundo e além. Boa leitura! Continue lendo